Dentes frágeis? Saiba que pode ser falta de Vitamina D

with Nenhum comentário

A vitamina D é um micronutriente essencial para a muita funções biológicas do metabolismo humano. Ela atua como modulador genético para o metabolismo ósseo e muscular esquelético.

Além disso, ela tem um papel fundamental na redução dos riscos de infecções, promovendo barreiras físicas onde é estimulada a imunidade natural e adaptativa do nosso organismo e também responsável pela estimulação do processo de imunidade atuando de forma imunomodulatória e anti-inflamatória.

Apesar de ser muito importante para o nosso organismo, é comprovado por meio de estudos que a deficiência da vitamina D é um caso de saúde pública global.

Então, apesar de todos os benefícios que a vitamina D promove o que a deficiência dela pode causar na saúde dos nossos dentes?

A importância da vitamina D para os dentes

De acordo com estudos, a vitamina D tem uma relação substancial com a produção do cálcio, pois uma absorção adequada da vitamina permite uma melhor absorção intestinal do cálcio, este que é um essencial na formação e saúde dos dentes.

Além disso, como citado anteriormente, a vitamina D tem um papel importante atuando de forma anti-inflamatória e imunomoduladora, ou seja, maiores níveis de vitamina D no sangue representam uma melhor condição da saúde bucal

O que a deficiência da vitamina D pode causar aos dentes?

Como o cálcio e a vitamina D estão relacionados na formação e manutenção do dentes e dos esmaltes dentários, a sua ausência pode acarretar sérios problemas de saúde bucal desde o desenvolvimento dos dentes em período infantil.

Durante a infância, a deficiência da vitamina D junto ao cálcio, podem provocar o desenvolvimento de cárie precoce devido a má formação e hipomineralização dos esmaltes dentários.

Essa deficiência pode gerar sérios problemas relacionados a doenças periodontais, cárie e mau hálito. Nesse último caso, pode haver um acúmulo e descamação das células presentes na mucosa bucal, causando o apodrecimento dessas células, acumulando placas bacterianas e gerando assim gerando mau hálito.

Outro fator é em relação aos implantes dentais. A deficiência da vitamina D pode prejudicar o equilíbrio de cálcio durante o processo de cicatrização pós-operatório. 

Isso faz com que esse processo seja mais demorado e, em alguns casos, facilite casos infecções devido a baixa imunidade.

Como melhorar o nível de vitamina D e evitar esses problemas?

Para evitar problemas na saúde bucal ou na saúde do organismo de forma geral, é estimulando a produção ou ingerindo a vitamina D. Existem diferentes formas de adquirir essa vitamina tão importante.

Uma das formas de adquirir a vitamina D é através do sol. Os raios UVB em contato com a pele, estimulam a uma molécula semelhante à do colesterol e que é precursora da produção de vitamina D no nosso organismo.

Outra forma é através da alimentação. Alguns alimentos, como peixes gordurosos (salmão, cavala, sardinha, óleo de fígado de bacalhau) e vegetais (leveduras, fungos e cogumelos (Shiitake), são ótimas fontes de vitamina D.

Por último, e uma das melhores formas formas de adquirir a vitamina D, é a suplementação, que pode ser em cápsulas, injetável ou em gotas. Esse é o jeito mais prático de adaptação à dieta e de adquirir a quantidade adequada que o nosso corpo precisa.

Quer saber mais?

Que tal um desconto especial para experimentar a melhor vitamina D do mercado?

Escrito pelo analista de conteúdo Vinicius Passos do Blog Vhita.

Compartilhe nas redes sociais!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *