Como cuidar dos primeiros dentinhos do Bebê?

with Nenhum comentário

Ainda que os dentes de leite sejam substituídos posteriormente pelos dentes permanentes, é essencial cuidar dos primeiros dentinhos do bebê. 

Isso porque, eles não estão imunes a doenças e problemas bucais, como a cárie, e exigem os mesmos cuidados e higienização dos permanentes.

Por exemplo, a cárie no dente de leite, quando não é tratada, pode fazer com que o permanente cresça com deformações e manchas.

Horrível, né? Por isso, no post de hoje vamos falar sobre os principais cuidados que você deve ter com os dentinhos de seu pequeno. Vamos lá? 

Quando os primeiros dentinhos nascem?

Em grande parte dos casos o primeiro dente nasce aos 6 meses de idade. Contudo, existem diversos casos de crianças em que eles nascem antes ou depois, sem qualquer prejuízo à saúde bucal.

O limite máximo é de 1 ano e meio, sendo que caso eles ultrapassem esse período é importante fazer a primeira visita ao dentista. 

A quantidade total é de 20 dentes de leite, que devem surgir até mais ou menos os 3 anos de idade. Eles começam a cair em torno dos 6 anos, mas se nasceram antes, também irão cair antes. 

É importante que ele caia sozinho ou que o próprio pequeno o remova, desde que esteja na companhia de um adulto. 

Sintomas do nascimento dos dentes

Não existem comprovações científicas de que o nascimento dos dentes pode causar febre, diarreia ou aumente a quantidade de saliva do pequeno. 

As razões na verdade são outras… Quando completam 6 meses as crianças começam a colocar tudo na boca, seja brinquedos, bonecas e até as roupas de bebê.

Nesse momento, as glândulas responsáveis começam a se desenvolver e a imunidade ainda é baixa. Tudo isso faz com que os pequenos se contaminem com bactérias e todos esses sintomas aparecem.

Contudo, a coceira na gengiva é um dos sintomas reconhecidos pelo nascimento dos primeiros dentinhos. Ela pode ser amenizada com mordedores, principalmente aqueles que podem ir na geladeira. Isso porque, a temperatura mais baixa diminui a circulação de sangue na região. 

Quando iniciar os cuidados com a higiene?

No momento em que o primeiro dente começar a apontar, é preciso começar a iniciar a higiene bucal da criança.

Enquanto o pequeno possuir apenas os dentes da frente superiores e inferiores, a higiene pode ser feita com a fralda de algodão ou gaze seca. 

No entanto, ainda é possível umedecer em água filtrada e passar com cuidado nos dentinhos. 

Agora, quando os primeiros molares (os dentes do fundo) começam a nascer com mais ou menos 14 meses, é obrigatório o uso da escova de dente. 

É importante identificar a idade descrita na embalagem, visto que esses dentes em específico possuem sulcos, que não são limpos corretamente de outra maneira. Inclusive, nessa época já é possível inserir o creme dental, com flúor ou não, indicado pelo dentista

De acordo com a Sociedade Brasileira de Odontopediatria, o creme dental pode ser utilizado sem problemas antes dos 3 anos, visto que auxilia contra a prevenção da cárie. 

Contudo, é preciso consumir com moderação tanto na quantidade quanto na frequência. É recomendado aplicar a quantia de um grão de arroz, e após os 3 anos de uma ervilha. 

Por fim, os enxaguantes bucais devem ser sem álcool e utilizados apenas para crianças maiores de 6 anos. 

Quais são os principais problemas causados na infância?

A cárie e a erosão são problemas recorrentes na infância. O primeiro é causado por microrganismos que vivem na boca da criança, produzindo um ácido que causa lesões. A única maneira comprovada para evitar a cárie é escovar os dentes com creme dental com flúor. 

Já a erosão atinge todos os dentes e surge devido ao excesso de consumo de alimentos industrializados, como sucos prontos, refrigerantes, salgadinhos, etc. 

Eles corroem a camada superficial de esmalte, devido à acidez, desgastando a estrutura e podendo até mesmo reduzir o tamanho do dente. 

Cuidado com beijinhos e brinquedos

Além dos problemas bucais, os pequenos ainda podem contrair herpes e outras infecções, devido à falta de atenção dos pais. 

Por isso, não beije a boquinha do pequeno, limpe e higienize todos os brinquedos que ele costuma colocar na boca (principalmente os mordedores), evite compartilhar utensílios domésticos, como talheres e escovas de dentes. 

Por fim, faça a esterilização das mamadeiras e chupetas periodicamente para evitar qualquer infecção. Inclusive, esses dois últimos devem ser utilizados com moderação, visto que a pressão da sucção pode movimentar os dentes e consequentemente mudar sua posição. Isso pode gerar problemas futuros e exigir o uso de aparelhos ortodônticos. 

Bom, agora que você já sabe como cuidar dos dentinhos do seu pequeno já pode ficar atento para que quando os primeiros comecem a surgir você já saiba exatamente como cuidar, certo? Afinal, não tem coisa mais fofa do que um sorrisão com dentes branquinhos e saudáveis. 

Conteúdo produzido por Nigambi

Compartilhe nas redes sociais!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *